AMOR+NATUREZA=AMOREZA

Mais uma andança, um passeio e um aprendizado entre uma escalada e outra. Desta vez fomos ao Sítio Amoreza, em Morro Redondo, RS, uma bonita propriedade permacultora a 40km de Pelotas. O domingo estava um baita dia de sol, acordamos animados, um matezinho a postos, e lá fomos nós. Queríamos faz tempo conhecer a região e o trabalho deles para melhoria de solo e plantio de árvores e foi bem legal olhar de perto como funciona uma comunidade que aposta no bem viver e na sustentabilidade. Os produtos orgânicos do sítio são deliciosos, não resistimos ao mel e aos biscoitos, e eles também entregam cestas às quintas feiras além do café colonial aos domingos. Bob nos mostrou generosamente seu bonito trabalho com os Sistemas Agroflorestais (SAFs), nos explicando com cuidado sobre o plantio das nogueiras pecã e do consórcio com leguminosas como feijão e milho para adubo natural e fixação de nitrogênio no solo. Também utilizam largamente tanto a palhada como a minhocultura (de californianas) nesses sistemas e também na compostagem e na horta. Conhecemos a cachoeira e o rio, de um granito lindo e aderente, com alguns blocos interessantes e até uma possível via por ali. Gostamos muito e prometemos voltar!

...batendo papo na beira do rio

...a garrafa deixa entrar a luz, e o reboco é feito de palhada+terra+argila e erva mate para acabamento

Geodésicas

...no cantinho onde a galera costuma se reunir na beira do fogo...
...para conversar ou até curtir um 'cine mato'
...e é mesmo bem bonita a força da água

..e é realmente bem fria a água também :))

Lola e seu amigo

Boulder Amoreza
A guia de montanha

...recebendo um afago...
...lagarteando e conversando
...há algumas pequenas trilhas no local, e ainda se pode ir caminhando pelas pedras seguindo o leito do rio....bem divertido

A estufa, agora provisoriamente desativada, guarda as sementes e pequenas mudas

O bambu, versátil e ecológico, de rápido crescimento e de uma estética impecável. 

A Geodésica em construção

O conceito de união faz a força
Singularidades

Bob mostrando o solo úmido e protegido pela palhada e uma frágil  muda de nogueira pecã, plantada intercalando outras mudas de nativas e exóticas além das frutíferas e leguminosas
Caminhando por entre o SAF e pela zona de mata nativa
O guardião
Para quem quer agendar visitas e ter maiores informações, o telefone de contato é (53) 84489909 ou procurar a comunidade nas redes sociais. 
Boas escaladas e passeios a todos!

Comentários

Vanessa Staldoni disse…
Adoro seus textos, amiga! Saudades...
Alessandra disse…
Saudades também, guria! Uma hora apareço por aí...avise quando vier, beijos
Anônimo disse…
Sіmρlу desіre to saу
уouг аrtiсle is as amаzing.

Thе сlеarnеss in your post іs juѕt gгeat and i cοuld assume you're an expert on this subject. Fine with your permission let me to grab your RSS feed to keep updated with forthcoming post. Thanks a million and please continue the rewarding work.

my website V2 Cigs reviews

Postagens mais visitadas