Bhava!!!


Motivação. Treino. Devoção. Superação. Bhava. A palavra "Bhava", em sânscrito, significa intensidade, fervor, sentimento pleno, amor. Ela ilustra bem o que tenho pensado e vivenciado esses dias.  Como fazer melhor, como ser melhor e como viver dia a dia apesar de cada dificuldade, tudo isso com muita força, muita energia. Como colocar 'gana' e vontade a cada movimento e para cada tarefa ou trabalho. Digo isso porque nós temos passado alguns momentos maravilhosos e outros difíceis, como o caso de nossa filhota que não poderá mais andar, definitivamente, a basset hound Roca. Com isso, aprendo a ter mais força para superar o que não posso evitar e força para superar qualquer adversidade com determinação e bhava. Meu doutorado também, por vezes parece cheio de obstáculos e pressões, mas vamos que vamos!
Junto a isso, mais uma motivação para treinos foi conquistada: uma sapatilha novinha da Evolv!! 
Ela é realmente uma sapatilha perfeita, apertada mas não dolorida, de um formato que eu acho super perfeito, a Elektra VTR, e tenho certeza será minha companheira em uma evolução cada vez mais consistente e consciente. Aquela escalada de expansão de limites físicos e mentais, de superação e determinação. Começo a sentir que substituir as frustrações e os fracassos por determinação e treino parece ser a melhor escolha. Esforçar-se não somente ao escalar, mas cuidar do corpo e da mente, da alimentação, cuidar do peso, das escolhas do dia a dia. E também ao escalar adotar uma postura de Bhava, de força, garra em cada movimento. Sempre dá para se esforçar um pouco mais, sempre dá pra exigir um pouco mais de seus dedos, corpo e mente, mesmo que as vezes pareça que não, respirar, concentrar-se e dar tudo de si. As vezes não imaginamos ou não nos damos conta a força que temos e o quanto podemos ser melhor e melhor. Basta perceber e querer. 
Outra grande motivação para os treinos foi o fingerboard (com agarras!) em nossa casa. Instalamos um finger e colocamos algumas agarras para reforçar a resistência e a força. Colocarei fotos em outra oportunidade, mas digo que foi um ótimo método para eu começar a me esforçar mais em TREINAR. Um yôga, uma caminhadinha e corrida, comer menos e agora  agarras e finger no final do dia. A muerte! 
Vivenciar novas experiências também sempre me traz uma alegria enorme. Meu primeiro vôo em um hidroavião pequeníssimo, de dois lugares, sobre o céu de São Leopoldo, foi sem dúvida de tirar o fôlego. A oportunidade veio com um amigo do Duda dos tempos em que ele dava aula de aeromodelismo, e fui bem corajosa e feliz. Olhar tudo lá de cima com certeza dá uma percepção do quanto somos pequenininhos e o quanto temos que agradecer por  belezas imensas à nossa volta. 
Adorei!
No mais vamos seguindo um monte de ideias e projetos sempre a mil, mas com tranquilidade, esperando os feriados, aproveitando os finais de semana e idealizando novas conquistas. A Mountain Voices de março/abril já online (baixe aqui!) e uma realização enorme de fazer parte desse time, e dessa edição, com dicas muito boas, ótimos textos e com a matéria da Janine Cardoso que tem me inspirado muito com sua postura de dedicação e grandes conquistas. Bom (quase) final de semana a todos! 

já em casa...

Os filhotes esperando a consulta veterinária e nossa preocupação de pais zelosos.

e sentindo-se em casa...

...diazinho de urban climb no meio da semana

'Mais feliz que pinto no lixo'
Uma nova via começando a ser descoberta, trabalhada e namorada: muito boa essa sensação do novo :->

Em um hangar de aviões, em Novo Hamburgo, RS
Será que eu vou ter coragem?


O Duda já é da casa, superfamiliarizado com tudo, recebeu vários elogios por ter pilotado tri bem


...pelos ares


Cleo, Duda e Eduardo

Eu, Cleo e Duda

Ai, ai, ai 
E a volta pra casa, sempre especial! Cassino, Rio Grande, RS.

Comentários

Postagens mais visitadas