Por Uruguay

"Os conhecimentos nos dão meios para viver.
A sabedoria nos dá razões para viver.
Sábias são as pessoas que sabem viver.
Tolo é aquele que, tendo defendido tese sobre barcos e mapas,
não sonha com horizontes,
não planeja viagens,
não imagina portos.
Anda sempre em terra firme por medo do naufrágio".
Rubens Alves em Variações sobre o prazer


...pedalando pelo Uruguai, como antigamente
...da janela lateral do quarto de dormir
...dancing with myself
Pôr do sol no Taim na volta para casa
Farol Stella Maris na Barra do Chuí



E final de semana que passou foi de estrada de novo. Que eu continue sempre com esse ritmo de estar cada hora em um lugar aproveitando bastante, e, mesmo com a responsabilidade do doutorado, o plano é esse. Eu espero que sempre nesses lugares eu possa escalar, mas nesses dias, minha família estaria no Uruguai, na praia, para o Chá de Bebê da prima Carol. E chá de bebê na minha família são alguns bons dias de festa, reencontro e celebração, então fomos sábado cedinho para lá. É muito bom estar entre os seus em um lugar lindo e cheio de recordações. 
A Barra do Chuí é um balneário brasileiro/uruguaio, pois o que separa um de outro é somente o Arroio Chuí e seus tetrápodes. Seus hábitos, costumes e esparsos habitantes são essencialmente uruguaios no entanto. Costumava passar alguns bons momentos de férias por lá, e era quando dirigia o Fusca 77 branco, apinhado de amigas, quatro longas quadras até chegar ao Clube Beira Mar para nosso programa ousado de final de tarde. Também caminhava na praia deserta e com muito vento imaginando que um dia eu moraria na praia, sim. Gostava de me balançar por horas na rede da varanda de frente para o mar lendo seleções readers digest e palavras cruzadas nível médio me sentindo a pessoa mais solitária e adolescente do mundo.
Muitos anos se passaram e fora o movimento intenso de carros na praia ouvindo músicas em espanhol do Michel Teló, pouco ou nada mudou. A pizza de mexilhões da Barra Uruguaia continua maravilhosa e passar a fronteira de bicicleta continua sendo quase a coisa mais desafiadora do mundo. As comprinhas no Chuí também continuam agradáveis mas a minha mudança de hábito não carnívora  (em processo de) não aprecia mais as parrillas e se delicia com uma massa aos quatro queijos, apesar de toda a dificuldade de se encontrar algo vegetariano em terras uruguaias. 
Um final de semana cheio de coisas boas e felizes. 
Agora motivação para começar a semana e trabalhar muito. Tudo no seu tempo. Boa semana a todos. 

Comentários

Postagens mais visitadas