Emissões de carbono e seu dia a dia


Nesses últimos dias eu ando em dia com a escalada. Com a chegada do inverno eu internamente abro a temporada das montanhas e consigo viajar bastante para escalar e também me apetece muito mais treinar nas rochas e não fugir para a praia. Consequentemente leio mais e vejo mais filmes sobre o assunto e também acabo convivendo mais com meus amigos das pedras e o assunto gira sempre em torno disso. 
Mas tenho me dedicado também ao meu Doutorado, cujo tema é muito interessante (Cultivo de Microalgas/Petróleo/Biodiesel) e eu espero que ao final de tudo eu possa aprender bastante e ainda quem sabe atuar diretamente na área, fazendo o que gosto e o que acredito que possa contribuir para uma realidade positiva no mundo. E eu, assim como milhares de acadêmicos e estudantes, passamos horas a fio na internet. Seja pesquisando, seja entre uma análise e outra, processando uma amostra, a gente já deixa o computador ligado enquanto faz as coisas (totalmente antiecológico, diga-se de passagem). Por isso achei deveras interessante o vídeo do conhecido site de produtos de escalada Prana que nos põe a refletir o quanto contribuímos em emissões de carbono passando tanto tempo diante de um computador...

E alguém já pensou em calcular o quanto verde a escalada é? Desde a fabricação dos equipamentos, uso de magnésio nas rochas e seu efeito mínimo ou não  na biota, escalada em áreas de preservação ambiental, trilhas, e tudo mais?
Boa semana a todos!



How Green Is Your Internet? from Patrick Clair on Vimeo.

Comentários

Anônimo disse…
Hi there,I enjoy reading through your article post, I wanted to write a little comment to support you and wish you a good continuation. All the best for all your blogging efforts.

Postagens mais visitadas