Serra do Quiriri pra uns e chuva para outros...









Por aqui muita chuva, dias cinzentos e um domingo que finalmente me devolveu a motivação e a tranquilidade, aquela certezinha de estar certa e estar feliz. Também pudera, passei o dia com minha irmã e minha família, fiz uma casa inteira de massinha de modelar com meu sobrinho (descobri que levo jeito pra coisa) e depois de uma semana tensa, de gripe, chuva e sem escalada, hoje, finalmente tô mais tranquila e otimista.
Mas que bom que a galera não é fraca e todo mundo está escalando a la muerte. E eu não vejo a hora de resolver toda minha vida, todos meus problemas e ganhar meus milhões por mês pra conseguir viajar todo final de semana pra escalar nesse Brazilzão. E afuera. Foi o que foi pra Minas com o amigo gringo e me mandou aquela: Vamos? que eu tive que negar; foi o Brian que foi pra Bolívia, o Rio que quero visitar, o Pico da Canastra que não fui ainda, o Gil, que demorou dividirmos a corda, e, claro, minha querida Floripa, que dói de saudade de escalar com a Jojô, com o Eleandro, a Clá e toda a galera. É, em Santa Catarina a galera se puxa mesmo.

O Márcio Hoepers, nosso ilustríssimo presidente da FEMESC e meu querido amigo é um exemplo disso. O Márcio é super motivado, daqueles que acreditam na evolução da escalada sempre, no individual e no coletivo, dos que metem a mão na massa por uma idéia, fazendo parte de todo o processo. Além de brigar pelo esporte, ele também é consciente da fragilidade de nossos ecossistemas, atento à preservação ambiental, atuando no "Adote uma Montanha" e sempre por aí escalando, preservando e curtindo lugares como estes das fotos. Ele foi um dos que não se deu por vencido pela previsão do tempo e saiu com destino a SERRA DO QUIRIRI.
Este pico maravilhoso fica no nordeste do estado e é uma região belíssima, um complexo montanhoso que infelizmente está ameaçado (quem quiser ler mais acesse este blog).

Palavras do Presidente:
Serra do Quiriri Pós-dilúvio
Cansado de ficar mofando em casa e acreditando numa "leve melhora" no tempo(passei a não acreditar mais em metereologia), falei as 16h30 para o Rodrigo de Campo Alegre via MSN, vamos para montanha agora de noite?..Ele prontamente respondeu "toca-toca".Pois então, fomos em direção ao MOnte Crista 967m, umas das portas de entrada do Serra do Quiriri, majestosa formação de montanhas que chegam a uma altitude de 1.538m.Começamos a subir por volta das 20h30 com garoa fina, trilha úmida e todas as nuances de floresta atlantica em época de el nino,mas depois de tanto tempo de valeu a pena. Parada para tirar um cochilo num abrigo natural. As 5h00 levantamos e fomos em direção aos campos de altitude, para nossa surpresa o tempo abriu, lua cheia, céu estrelado, deixando abaixo de nós um mar de nuvens admirável.Assistimos o nascer do sol no local chamado de "plato 900", sol
nascendo, vento soprando forte, animou um subida em direção a partes mais altas
da Serra, andamos cerca de 1 hora até uma altitude de 1.100m e lá ficamos
admirando o mar de nuvens e tomando rachadas de vento que vinham de Noroeste.
Descemos felizes, ao meio dia ja estavamos na entrada da trilha na banca do Sr.
Harry, conversando e já fazendo novos planos pelas montanhas.
Boas escaladas à todos essa semana e tenho um P.S. rápido, viram que o blog tá com a tal imagem fixa de background?Mazáa. Só que eu não sei de quem é a foto, eu aachooo que é do Rafael Secco de Porto Alegre, tô certa? Bem, no credits yet.Sorry.

Comentários

Postagens mais visitadas