Escalar pra viajar ou viajar para escalar? Escalando em Bagé, RS

Esse final de semana acabei colocando o pé na estrada para dar umas escaladinhas diferentes. Depois da semana de expectativa e dúvida, vendo quem ia, quem não ia, se ia pra um lado ou se ia para outro, acabei decidindo por Bagé, RS, na Casa de Pedra. Bagé conta com uma escalada de conglomerados maravilhosa. Mas atenção, o conjunto fica em uma propriedade particular, por isso é necessária a autorização dos proprietários, informe-se com os locais. Também tenha uma atenção redobrada aos bons costumes como: recolher o lixo, não fazer barulho excessivo, cuidado com fogo etc. O lugar pra acampar é lindo, assim como as escaladas, o visual, tudo. O acesso é tranquilo, pela BR-153 entrar em uma estrada de terra situada 60km antes do trevo de acesso de Bagé (ou 10km antes do posto de gasolina”posto 50”) que da acesso a fazenda Bordoada. Por esta estrada seguir sempre passando por 7 porteiras. Pergunte aos moradores,todos conhecem o local. (Fonte e mais infos: http://www.escaladasensur.blogspot.com/, blog dos irmãos Netto, Gustavo e Gabriel, escaladores locais).
Foi maravilhoso curtir o astral do lugar e ainda dividir cordadas (finalmente) com o Berê (Iuberê Machado). O famoso Iuberê é escalador de Caçapava do Sul, pertinho dali, e será minha próxima parada visitá-lo lá pras Minas do Camaquã. Ainda mais depois deste final de semana show de boas conversas e boas escaladas. Sem palavras Berezito, brigada viu tio, hehehehe.
Essas foram as últimas fotinhos, mas graças a Deus meu querido amigo Rogério levou sua máquina de verdade (grande parceria de escalada, acampamento além de, junto com o Dudu, espetacular assador) e depois vou poder colocar fotos melhores e outras informações.

Oba, sexta feira. Arrumar a tralha e Go!

Luxo é dormir assim, no meio do mato com minha barraquinha

Do que mais eu preciso pra ser feliz?Eu no meu kitinete com vista privilegiada

Depois de um dia ralando os dedinhos no conjunto principal, no domingo preguiçoso eu e Berê decidimos zarpar para o Segundo Conjunto em busca da Tromba do Elefante.

Voltando pela estrada de terra em direção ao sul, numa caminhadinha de uma hora, chegamos naquelas pedras lindas e com sol bem forte fizemos as duas cordadas da Tromba do Elefante (4 sup 60m) até essa vista maravilhosa

Vale a pena dar essa caminhada e ficar pelo menos um dia inteiro (ou mais) explorando as outras vias também desse Conjunto (Ovelha não é pra mato-5sup 45m, Esfinge-30m 5ºVI entre muitas outras fáceis e difíceis, pra todos os gostos e estilos)


Mas pra gente o que estava valendo era curtir uma escalada tranquila e voltar para o acampamento em seguida por causa da hora e também o sol castigava um pouco (tá achando que no sul não faz calor, é? Seco e quente pra caramba)

Feliz com o visual ao redor, com a sensação estranha de estar contornando um arco escalando e curtindo muito a escalada e a parceria


Descansando pra seguir. Nós e as cabras, elas sem cordas. Aff.


Tudo que é bom dura pouco. Hora de voltar ao acamps.

Com a alma lavada, coração cheio, dedos fritos e força na peruca. Adorei, valeu demais.

Esse foi o segundo dia. Depois vem as fotos de escalada no Conjunto Principal e que venha Minas do Camaquã agora, Dáalee.
Mais informações e croqui no blog dos Netto: www.escaladasensur.blogspot.com.
Abração a todos e bóra começar logo essa semana, fazer o quê não é mesmo? hehehe

Comentários

beta disse…
Amigaaaaa, adorei as fotos! Escalasse um monte guria, show de bola! Saiba que eu te admiro um monte e vamos subir o pico juntas! uhuuuu.. beijãooo
Beta
Luane Mondin disse…
alê, to louca pra sentar com vocês, tomar uns mate ( incluindo o bolo de cenoura) e falar sobre a viagem ! as fotos tão lindas ! meus dedinhos tão com fauta de magnésio, heheheh ! vamo marca ! beeeijão
Alessandra disse…
ÊEEEEEE As mais novas escaladoras aficcionadas, adoroooo, queridas, ninguém nos segura agora.
Anônimo disse…
Hey honey...
Always to the top /0\
nice "to see" u
here everything is fine..
miss u
yours
a.

Postagens mais visitadas