Histórias de Hermanoteu:Lagoinha do Leste

"Como dizia o poeta...
Quem já passou por essa vida e não viveu
Pode ser mais, mas sabe menos do que eu
Porque a vida só se dá pra quem se deu..."
E por aí vai, não é mesmo. Esses meus dias têm sido movimentáaaaaááádos,viu. Ishi. Dura essa vida de hedonismo puro. Mas de perrengue a vida também é feita (que nada, adorei a emoção) e quase morremos afogados voltando da Lagoinha do Leste. Explico que o feriado foi muito,muito bom, uma espécie de caça as ondas ao redor da ilha. E tudo começou com o Gu e o Rafa, a Jú e o Márcio e eu e a Ale tendo a idéia auspiciosa de fazer um belo e inofensivo passeio a Lagoinha do Leste. Pra quem nunca ouviu falar é uma das praias mais lindas da ilha, de acesso difícil (a saída digamos que é mais difícil ainda heheh), ou seja vc pode ir por trilha (longa e tals) ou de barco, caso vc prefira algo mais tranquilo. Hã???Da onde? Simplesmente, chegamos à Lagoinha perto do meio dia, de barco e depois de uma tarde de nada de ondas virou o vento sul,e praticamente um "tufão" atingiu a praia. Depois de muita espera e de ponderarmos muito (hãhã) vimos que se a trilha com aquilo tudo de prancha, longboard e etc seria um saco. E que afinal o barco seria seguro, que o tal uruguaio até inspirava confiança (ah tá) E fomos. Éramos 22 pessoas num barquinho de pescador sinistro (nem precisa falar que colete salvavidas nem passou perto né). Aliás 21 pessoas, porque o Gu teve que ir no outro barco com as pranchas e com o cara, o Gu "dirigindo" enquanto o cara ia tirando a água. Rindo com a desgraça, dá pra dizer que as ondas que atingiam nosso barquinho eram altamente surfáveis, meio metrão na série. E o pior é que não estou brincando. Isso pra não falar que, pra sair da praia, nós tivemos que vencer a rebentação, ou seja, o perrengue que eu passo as vezes com meu funboard foi fichinha pensando da perspectiva de passar a rebentação com pranchas e mais 8 pessoas, o rafa, o cara e o márcio praticamente fazendo um "joelhinho" (que é quando vc fura a onda com a prancha) pra depois se jogarem pra dentro correndo enquanto o cara ligava o motor. Monstruoso. Também o fato que tinha mulher chorando, outras soltando uns gritinhos, um cara falando sem parar e a Ale morrendo de rir (kkkkk). O Rafa tentava me distrair acho,e eu distraída sem noção do que estava acontecendo realmente enquanto a Jú pensava algo do tipo "Jesussss me cegaaa" e o Márcio concentrado em estratégias de salvamento em alto-mar. Mas depois do terror e pânico, entre mortos e feridos, conseguimos chegar até a Praia da Armação e fomos resgatados com vida (essa parte eu aumentei, não fomos resgatados os guris só tiveram que correr até o Pântano do Sul pra buscar o carro uns 6 km). E o feriado foi todo assim, de surf, gente bonita e maravilhosa, adoráveis mesmo e que vamos morrer de saudades. Bons ventos e risadas memoráveis, surf até de noite, churrasquinho,festa com samba e até histórias de Godah (hahahaha). Adorei :)
Olha que felizes, tudo pronto, pranchinhas no barco e a Lagoinha
do Leste nos esperava com possíveis ondas perfeitas...
Confiantes e sorridentes no barco...
Mal sabíamos o que nos esperava (kakakaka)
Claaaroooo que depois fica tudo tão engraçado...

O Gu nos presenteou com um churrasco
depois, prêmio de consolação depois de um dia difíiiicil hehehe
Certinha essa minha amiga Jú hehehe Surf no Moçamba
Eu com preguiça, mas a vontade foi mais forte e acabei entrando
O Rafa empolgado
Gu e seu pranchão
O ritmo da galera foi esse mesmo, só queríamos saber de surfar, rolou até surf no escuro no morro das pedras, final de tarde! E pra despedida a foto no Moçamba e a prancha do Gu "Eddie would Go" que pegou todas!!!
O negócio é surfar, mesmo que não tenha onda kkkkkk
Eu sou a surfista ali sentada com preguiça de remar. E olhem atrás que vinha até uma ondinha!
Márcio no estilo
O Rafa tirando leite de pedra

Comentários

Yuri disse…
Ainda vou descobrir como você consegue escalar, surfar, estudar, trabalhar, respirar, etc... hehehehe...
O pessoal estava inspirado no feriado, né? Sairam tantas notícias boas!
O feriado foi mais descanso... o maridex teve de trabalhar então dei um gás nas minhas leituras. ;-)
Ai, aqui o tempo está igual! Esfriando e a pedra está ficando SHOW!!!! Torce pra eu mandar logo meu projeto, quem sabe agora vai? :-D
Hey, por falar nisso cadê a minha visita aqui no Rio? ;-)
Beijão, Alê!!! Estava com saudades das suas mensagens! :-D
Yuri

Postagens mais visitadas