Muitas coisas gente.



Eu estava resolvendo o mundo. O meu e o seu mundo. E assistindo João Bosco. Muita pretensão para uma vida só. E pegando a melhor praia do Riozinho no melhor dia de sol do mundo.


Quarta feira teve show do João Bosco na UFSC junto com o Piano Orquestra. Lindo, gente. A galera consumindo cultura à 5 reais!!!Se não me engano é uma iniciativa da Fundação Catarinense de Cultura, me corrijam se eu tiver errada, com o patrocínio da Petrobrás. Mas foi muito especial. Alimento da alma.

(contribuição do márcio, minha agenda rsrs sobre o projeto:


o nome original era projeto seis-e-meia em 1977, no primeiro tocaram joão bosco e clementina de jesus, lembra que ele comentou? depois com a morte do pixinguinha, rebatizaram o projeto em sua homenagem, depois ficou paralizado uns anos por falta de patrocínio, até que a petrobrás assumiu, e hj a curadoria é do hermínio belo de carvalho


E estive essa semana desde quinta-feira, representando a APA DA BALEIA FRANCA, e a Associação R3 Animal, ong que sou presidente, na reunião em Torres da REMASUL. Eu e a Cris, que apresentou a proposta do Centro de Reabilitação de Animais Marinhos à todas as instituições da Rede de Encalhes de Mamíferos Marinhos.

Foi uma experiência muito boa. É sempre muito bom quando fazemos parte de um processo, seja ele qual for, e podemos contribuir de qualquer maneira, seja com idéias ou iniciativas. E sempre muito gratificante quando estamos reunidos, exaustivamente, cansados, o dia inteiro conversando, discutindo, sobre questões que serão importantes não só para nós que estamos fechados lá no hotel conversando, como também para você que está lendo esse texto ou para os animais, grandes responsáveis nesse caso pelo nosso total esforço.
A REMASUL foi criada para atender uma demanda ambiental importante e significa um grande esforço do IBAMA e outras instituições pelos mamíferos marinhos.

Pra quem quiser saber mais:

Centro Mamíferos Aquáticos/Ibama comemora criação da Remasul
Luís BoaventuraCom um ano de funcionamento, a Rede de Encalhes de Mamíferos Aquáticos do Sul (Remasul) foi criada oficialmente com a assinatura no último dia 23 da portaria 59 pelo presidente do Ibama, Marcus de Barros. Coordenada pelo CMA de Itajaí (SC), a Remasul é composta por instituições sediadas nos três estados do Sul do Brasil: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. A finalidade da Remasul é realizar, coordenar e promover estudos e atividades nas áreas de monitoramento, resgate, reabilitação e reintrodução destes mamíferos ao ambiente natural. Outra importante função da rede é montar um banco de dados centralizado com informações sobre as espécies atendidas. Essas informações são importantes para subsidiar a criação de estratégias de conservação desses animais que, na maioria dos casos, são pouco conhecidos. “A formalização da Remasul trouxe como principal conseqüência a criação do banco de dados desenvolvido pela Universidade do Vale do Itajaí - Univali”, conclui Gonchorosky.O chefe do CMA/Ibama, Régis Lima, explica que a Remasul é a segunda das quatro redes que se pretende criar no Brasil. Cada rede corresponde às regiões litorâneas do Brasil. A primeira foi criada há cinco anos e atua no Nordeste, sendo chamada de Remane. A expectativa é de que, com a cobertura de todo o litoral brasileiro, seja criada a rede nacional.“Com a Remab, nós podemos facilitar a elaboração de pareceres, a criação de novas unidades de conservação e também aumentar a eficácia no atendimento dos encalhes”, afirmou Lima. Ele informa ainda que está marcada uma reunião com os representantes das instituições participantes da Remasul, no próximo mês de outubro.
Além do CMA/Ibama, outras dez instituições fazem parte da Remasul, são elas:• Centro de Pesquisa e Extensão Pesqueiras do Sul (CEPSUL)/IBAMA;• Museu Oceanográfico de Rio Grande;• Centro de Ciências Tecnológicas da Terra e do Mar (CTTMar) da Universidade do Vale do Itajaí;• Núcleo de Educação e Monitoramento Ambiental (NEMA);• Coalizão Internacional da Vida Silvestre (IWC) - Projeto Baleia Franca, • Centro de Estudos do Mar (CEM) da Universidade Federal do Paraná, • Museu Oceanográfico do Vale do Itajaí,• Laboratório Mamíferos Marinhos da Fundação Universidade Federal do Rio Grande (FURG);• Grupo de Estudos de Mamíferos Aquáticos do Rio Grande do Sul (GEMARS);• Laboratório Mamífero Aquático da Universidade Federal de Santa Catarina.
Ascom FMA/CMA

Comentários

Postagens mais visitadas